Terça-feira, 23 de Julho de 2024

BISTURI Sábado, 17 de Abril de 2021, 23:21 - A | A

17 de Abril de 2021, 23h:21 - A | A

BISTURI / CAMPO NOVO

Machado pode perder mandato de prefeito



O tempo fechou de vez para o prefeito de Campo Novo do Parecis e pretenso candidato a deputado estadual, Rafael Machado. No bojo de uma ação de investigação judicial eleitoral (AIJE) proposta pela coligação “É a Vez do Povo”, o Promotor Eleitoral, Luiz Augusto Ferres Schimith, opinou pelo cancelamento do diploma tanto de Machado quanto de seu vice Toninho Brolio.  

Para sustentar seu parecer, Schimith narrou os ilícitos que Rafael teria praticado ao logo de seu primeiro mandato, que vão de abuso de autoridade ao uso descarado da estrutura de comunicação da prefeitura em sua autopromoção. Tudo devidamente comprovado por meio de uma penca de mais de três dezenas de documentos extraídos das redes sociais e do portal na internet da própria prefeitura.  

Sem a pretensão de ser Nostradamus, seria prudente Machado preparar um belo recurso ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Dificilmente ele escapa de uma severa condenação do juiz da 60º Zona Eleitoral de Campo Novo do Parecis. O acervo probatório é eloquente e robusto.

Machado deve trocar, nos próximos dias, o PSL pelo Podemos do deputado Zé Medeiros, pelo qual pretende disputar uma cadeira na ALMT em 2022. 

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT