Sábado, 20 de Julho de 2024

POLÍTICA Sábado, 10 de Abril de 2021, 19:25 - A | A

10 de Abril de 2021, 19h:25 - A | A

POLÍTICA / FIM DA PICADA

Um gangster chamado Renan Calheiros defende CPI como ato preparatório do impeachment de Bolsonaro

Da Redação



O cangaceiro de Alagoas, senador Renan Calheiro (MDB), é a figura mais ignóbil e escrota da política nacional. O cara responde a uma penca de processos no STF e só permanece no cargo, tudo leva a crer, por mera leniência dos togados da Suprema Corte de (In) Justiça. Fossem os ministros um pouco mais ativo no combate a corrupção e a imoralidade que esgana a administração pública, certamente já teriam condenado e despachado esse senador para algum presídio.  

Enquanto nada acontece e a impunidade reina soberana e absoluta, Calheiros se acha no direito de criticar o presidente da República, de chama-lo de charlatão, entre outros impropérios; defende com fervor a CPI da Covid-19, não com o proposito de investigar eventual irregularidade praticada pelo governo federal no enfrentamento a pandemia. Calheiros pretende mesmo é abrir caminho para um processo de impeachment de Bolsonaro. Os canalhas – ou seria Calheiros? - nunca se enxergam e seu limite será sempre a ausência de limites.

Consciências lucidas asseguram que uma CPI nesse momento tende a agravar a situação política do país e a enfraquecer o combate a covid-19. Vidas humanas serão perdidas para a alegria dos que querem a retomada do poder a qualquer custo e sob qualquer pretexto. Falar em processo de impeachment é outra atitude dos querem implantar o caos e arrastar o país para o abismo.

É preciso cautela, vigilância e respeito a soberania do voto popular.

Comente esta notícia

Cidadão 10/04/2021

Excelente artigo

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT