Quinta-feira, 13 de Junho de 2024

POLÍTICA Quinta-feira, 17 de Dezembro de 2020, 13:20 - A | A

Quinta-feira, 17 de Dezembro de 2020, 13h:20 - A | A

Janaína e Botelho articulam socorro emergencial de R$ 3 milhões ao Hospital de Câncer para não fechar as portas

Edésio Adorno
Cuiabá

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), se nega a repassar os recursos destinados pelo Governo Federal para o Hospital de Câncer de Cuiabá. A direção da instituição filantrópica de saúde alega que sem receber pelos serviços prestados pode suspender os atendimentos a população.  

Diante da gravidade da situação, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM), juntamente com a vice-presidente da Casa, deputada Janaina Riva (MDB), iniciaram tratativa com a direção do Hospital de Câncer, que ameaça fechar as portas por conta da ausência de repasses por parte da prefeitura de Cuiabá.  

“A Assembleia tomou frente e vai destinar de modo emergencial R$ 3 milhões para que o Hospital consiga se manter aberto enquanto o município de Cuiabá não honra com os pagamentos”, declarou Janaína.  

A deputada informou ainda que uma reunião será realizada, na tarde desta quinta-feira, na presidência da Assembleia Legislativa, para tratar da questão. Estarão presentes deputados estaduais, representantes do Ministério Público Estadual e do Governo do Estado para encontrar uma alternativa para o impasse.

 

Emanuel Pinheiro já foi acionado no MPF para explicar o motivo pelo qual retém indevidamente os recursos repassados pelo Ministério da Saúde e não efetua o pagamento do Hospital de Câncer.    

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT