Domingo, 16 de Junho de 2024

POLÍTICA Segunda-feira, 13 de Julho de 2020, 17:47 - A | A

Segunda-feira, 13 de Julho de 2020, 17h:47 - A | A

TANGARÁ DA SERRA

Trabalhadores da Marfrig reclamam de dificuldade para fazer exame de covid-19

Da Redação

Trabalhadores do frigorifico Marfrig de Tangará da Serra estariam enfrentando dificuldade para realizar o exame para covid-19, conforme relatos enviados a nossa reportagem, por meio de mensagem de Whatsapp. “Vários colaboradores da empresa foram afastados por testar positivo para a doença e estão afastados de suas atividades”, afirmou um trabalhador, que pediu para não ser identificado.  

Em outra mensagem, uma mulher reclama que apesar de sentir sintomas parecidos com o da covid-19, não está conseguindo fazer o exame. “Posso estar contaminada, mas estou trabalhando; se estou contaminado, posso espalhar o vírus aqui na empresa, apesar dos cuidados que todos tomamos”, declarou. 

“A burocracia para realizar os exame de covid-19 talvez seja para não aumentar o número de contaminados e assim não reduzir a produção”, suspeita outro trabalhador.  

Exportação

Na semana passada, a China suspendeu as importações de duas unidades processadoras de carne suína do Brasil pertencentes à JBS e à BRF, reprimindo os embarques de carne em meio a preocupações com o novo coronavírus.  

Essa pode ser a razão para dificultar a realização de exames de covid-19 na Marfrig de Tangará da Serra. Caso haja disparada de casos, a China pode suspender a compra de carne de uma das maiores exportadoras de proteína animal do País. 

O outro lado - Nossa reportagem não conseguiu contato com a direção do Marfrig. O espaço está aberto para evetuais esclarecimentos da empresa. 

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT