Sábado, 20 de Julho de 2024

POLÍTICA Terça-feira, 19 de Janeiro de 2021, 15:45 - A | A

19 de Janeiro de 2021, 15h:45 - A | A

POLÍTICA / CADÊ O DINHEIRO?

Deputada denuncia calote de Emanuel Pinheiro ao Instituto Lions da Visão, que pode paralisar atividades

Edésio Adorno
Tangará da Serra



Em meado de dezembro do ano passado, o Hospital de Câncer de Mato Grosso ameaçou paralisar atendimentos devido a um calote de mais de R$ 6 milhões aplicados pela prefeitura de Cuiabá, que desviou para outras finalidades os recursos repassados pelo Ministério da Saúde.  

O maior centro de tratamento oncológico do estado não chegou a fechar as portas porque a deputada estadual Janaína Riva (MDB) mobilizou os parlamentares da Assembleia Legislativa, com o do presidente Eduardo Botelho e ajudou a construir uma saída emergencial para a crise financeira do hospital, causada diretamente pela incúria do prefeito Emanuel Pinheiro.  

Mais uma vez o filme se repete. Agora, a instituição que reclama de atrasos nos repasses devidos é o Instituto da Visão. O calote, de acordo denuncia de Janaína, consubstanciada em farta documentação, já perdura há mais de seis meses. Se não receber os mais de R$ 500 mil a que tem direito, o instituto não consegue cumprir com suas obrigações e a paralisação das atividades se torna inevitável.    

Em suas redes sociais, escreveu a deputada:

Preocupada com o descalabro da gestão do prefeito Emanuel Pinheiro, que pode forçar a suspensão das atividades do instituto Lions da Visão e deixar milhares de pessoas sem assistência oftalmológica, a deputada postou em suas redes sociais pesadas críticas a insensibilidade humana de Pinheiro e a sua latente inapetência administrativa.  

Mais uma vez a má gestão e os atrasos nos repasses da prefeitura de Cuiabá provocam o fechamento de uma importante instituição de saúde.  

Desta vez é o Instituto Lions da Visão que paralisou suas atividades por não receber desde setembro do ano passado, que conforme provam as notas fiscais já somam quase 500 mil reais. Onde foi parar esse dinheiro?  

Me revolta saber que pacientes podem até perder a visão por falta atendimento, funcionários estão sem salário e faltam até insumos! Não podemos aceitar isso!

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT