Sábado, 20 de Julho de 2024

POLÍTICA Quarta-feira, 17 de Março de 2021, 07:05 - A | A

17 de Março de 2021, 07h:05 - A | A

POLÍTICA / CANSOU DE ESPERAR

Prefeito de Barra do Bugres anuncia reabertura do Hospital Municipal e revogação de convênio com estado

Edésio Adorno
Tangará da Serra



A Secretaria Estadual de Saúde (SES) assumiu a administração do antigo Hospital Municipal de Barra do Bugres ‘Roosevelt Figueiredo Lira’ e, por meio do Convênio 003/2015, repassou sua administração para Consórcio Intermunicipal de Saúde do Médio Norte (CIS).

O Convênio firmado entre a SES e o CIS venceu no último dia 27 de julho, desde então o Hospital Regional de Barra do Bugres está fechado “para reforma”.   Na ocasião, o deputado Dr João Matos (MDB) declarou a reportagem deste site:  

“Participamos de reuniões com o governador Mauro Mendes, o vice Otaviano Pivetta, o secretário Gilberto Figueiredo (Saúde) e vários prefeitos da região e a conclusão foi o anuncio feito pelo próprio Mendes de que o Governo do Estado de Mato Grosso, em parceria com o Consórcio Intermunicipal da região, fará uma grande reforma no Hospital Regional de Barra do Bugres”

Leia maisHospital Regional de Barra do Bugres será reformado para atender o Médio-Norte do Estado, diz deputado 

O Hospital Regional de Barra do Bugres atende pacientes de ao menos outros dez municípios: Tangará da Serra, Sapezal, Campo Novo do Parecis, Nova Marilândia, Santo Afonso, Arenápolis, Denise, Nortelândia e Porto Estrela, em demanda eletiva, urgência e emergência dos municípios que compõem o CIS.  

Cansado de esperar pela prometida reforma do hospital, o prefeito Divino Henrique, que é médico e conhece de perto o drama da saúde pública, resolveu tomar uma atitude diante do sofrimento da população, agravado pela pandemia do novo coronavírus.

“Após longo tempo de espera pela reforma, revoguei o termo de cessão ao estado e vou reabrir o hospital como municipal”, declarou o chefe do executivo.

A  decisão do prefeito Divino Henrique de retomar o comando do Hospital Regional foi bem vista pela população. "O hospital era municipal, foi entregue para o estado e não adiantou nada. Então, que a prefeitura assuma o controle da unidade de saúde e atenda as demandas da população. Não adiante ter um hospital regional fechado para uma reforma que não temina nunca. Avalio que o prefeito Divino fez a coisa certa e está de parabéns", afirmou um profissional de saúde, sob a condição de anonimato.

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT