Quarta-feira, 12 de Junho de 2024

POLÍCIA Sábado, 16 de Maio de 2020, 12:42 - A | A

Sábado, 16 de Maio de 2020, 12h:42 - A | A

No bolso do mentiroso

Governador sanciona lei que prevê multa de até R$ 30 mil para quem divulgar fake news sobre saúde

O dinheiro que o governo pretende arrecadar dos mentirosos virtuais será revertido para prevenção e contenção de epidemias no estado

Da Redação

A lei que prevê multa para quem produzir ou divulgar fake news - notícias falsas - sobre epidemias, endemias, pandemias em Mato Grosso, foi sancionada pelo governo estadual.  

A Lei 11.128/2020, de autoria do deputado estadual Valdir Barranco (PT), entrou em vigor na quarta-feira (13) e foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) que circulou nesta quinta-feira (14).

A multa varia de 20 a 200 Unidade Padrão Fiscal (UPFs) e pode ultrapassar R$ 30 mil. De acordo com a Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), em maio, o valor da UPF é de R$ 151,58.

O dinheiro arrecadado será revertido para prevenção, tratamento e contenção de epidemias no estado. A multa é para quem divulgar, por meio eletrônico ou similar, notícias falsas sobre epidemias, endemias e pandemias em Mato Grosso.

Para ajudar, denuncie a polícia qualquer post de conteúdo falso na internet. Seu nome será preservado.  

Com conteúdo do G1/MT

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT