Domingo, 14 de Julho de 2024

POLÍCIA Sexta-feira, 23 de Abril de 2021, 09:22 - A | A

23 de Abril de 2021, 09h:22 - A | A

POLÍCIA / CASO DE POLÍCIA

Janaina registra boletim de ocorrência contra prefeito de Guarantã do Norte por calunia, injuria e difamação

Edésio Adorno
Cuiabá



Ciciani Janaina de Abreu Pereira de Rezende de Queiroz, que é gerenciadora de segurança operacional, homologada pela ANAC, registrou, no último dia 28 de março, um boletim de ocorrência na Polícia Judiciária Civil contra o prefeito de Guarantã do Norte, Érico Stevan Gonçalves (DEM), pela suposta prática de crimes contra sua honra.  

No documento policial, ao qual nossa reportagem teve acesso, Janaína enumera as ofensas que teria sofrido do gestor municipal. “Num grupo de WhatsApp chamado ‘Santa Marta em Peso’, o prefeito de Guarantã do Norte Érico Stevan Gonçalves proferiu xingamentos e calúnias contra minha pessoa. Me chamou de maldosa, mentirosa, inútil e também afirmou que minha pessoa perdeu a homologação do Aeroporto de Guarantã do norte”, relatou  

Segundo Ciciani escreveu no documento elaborado pelo sistema virtual, Érico teria praticado injúria ao afirmar que ela não reside em Guarantã e que essa atitude seria uma tentativa de denegrir sua imagem.  

“Desde a época da eleição (2020), outras pessoas declaradas da base do prefeito já vinham me perseguindo nas redes sociais com crimes computados no código penal, sendo eles Kelvis Renam, sobrinho do vereador Zilmar, que na época da eleição usava o nome de João Miguel, foi descoberto e se declarou como Kelvis, sobrinho do vereador citado. Este também afirmou nas redes sociais que eu perdi a homologação do aeroporto”, diz trecho do documento.  

Em sua notícia criminal a polícia, Ciciani Janaina também cita o nome de Cleide Andrade, que, segundo ela, seria nora do vereador Zilmar. “Desde a época de eleição me perseguindo, usando palavras de baixo calão e ataques”, escreveu  

A depoente relata ainda que uma pessoa identificada como sendo Joana, que usava o terminal telefônico (66) 99959-5602, seria a que mais atacava sua pessoa nas redes sociais, em especial nos grupos de WhatsApp.  

Em conversa com nossa reportagem Ciciani afirmou que espera que suas denúncias sejam investigadas e que os responsáveis respondam por eventuais crimes praticados.  

“Mentiram que fui a responsável pela perda da homologação do Aeroporto de Guarantã do Norte junto a ANAC, quando a verdade é pública, notória e diz exatamente ao contrário”, concluiu Ciciani, ressaltando que justiça, esclarecimento dos fatos e responsabilização penal dos responsaveis pela campanha de difamação que sofreu é tudo que ela busca.

Matéria atualizada às 9h37

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT