Quarta-feira, 12 de Junho de 2024

POLÍTICA Quinta-feira, 06 de Junho de 2024, 22:02 - A | A

Quinta-feira, 06 de Junho de 2024, 22h:02 - A | A

AFRONTA AS FORÇAS DE SEGURANÇA

Abílio ataca PM e Polícia Civil: "Pessoas buscam facções para resolver problemas""

Deputado Brunini faz acusações sem provas e ofende forças de segurança

Da Redação
A Bronca Popular

abilio bufão.jpg

 

Estagnado nas pesquisas de intenção de voto e com alta rejeição, o deputado federal e pré-candidato a prefeito de Cuiabá, Abílio Brunini (PL), tentou pegar carona na Operação Ragnatela, deflagrada pela Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (FICCO-MT), em busca de alguns pontos nas próximas sondagens eleitorais.

O tiro, no entanto, saiu pela culatra.

Sem travas na língua, carente de assessoria qualificada e incapaz de ponderar suas declarações, o deputado foi além do razoável e acabou fazendo seguidos disparos no próprio pé.

Entre várias afirmações infundadas, Abílio declarou que o União Brasil teria acolhido em seus quadros pré-candidatos a vereadores de facção criminosa. A presidente do partido, deputada Gisela Simona, reagiu lembrando que Abílio votou para livrar da cadeia o deputado federal Chiquinho Brazão, apontado como um dos líderes mais proeminentes do crime organizado no Rio de Janeiro.

Em seguida, Abílio afirmou que o narcotráfico controla o esporte amador e foi além, atacando as forças de segurança de Mato Grosso.

Segundo ele, as pessoas buscam as facções para resolver seus problemas, em uma crítica virulenta e desonesta contra as polícias Civil e Militar, compostas por homens e mulheres comprometidos com a segurança pública, a paz social e a proteção da vida e do patrimônio das pessoas.

Na visão do pré-candidato a prefeito, o crime organizado estaria dominando o Estado e vários setores da economia, como diversão, entretenimento e farmácia.

Abílio, no entanto, não apresentou nenhuma evidência para sustentar suas acusações feitas a esmo.

O deputado, que almeja conquistar a prefeitura de Cuiabá, tenta se passar por alguém empenhado no combate ao crime organizado, ao narcotráfico e às facções criminosas.

No entanto, seu discurso ultrajante contra as forças de segurança parece produzido sob encomenda para deslegitimar as polícias Civil e Militar, favorecendo o recrudescimento do crime organizado em Cuiabá e no Mato Grosso.

Por vias transversais, Abílio também colocou em xeque a justiça eleitoral ao afirmar que o crime organizado vai interferir no resultado das eleições deste ano

Ninguém combate o crime organizado atacando as forças de segurança pública.

Será que Brunini não sabe disso?

 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 

Uma publicação compartilhada por A Bronca Popular (@abroncapopular)

Comente esta notícia

Patrik 08/06/2024

Site de esquerda kkkkkk

positivo
1
negativo
0

Stive de Oliveira 07/06/2024

Abílio está certo. Não disse mentira nenhuma. Não ofendeu força de segurança nenhuma. Quem se ofendeu com a verdade foi esse jornal que pelo visto está desinformado e desinformando.

positivo
1
negativo
0

João Soares 07/06/2024

Matéria tendenciosa, ele falou só a verdade.

positivo
3
negativo
0

3 comentários

1 de 1

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT