Quarta-feira, 17 de Julho de 2024

POLÍTICA Quinta-feira, 22 de Abril de 2021, 10:24 - A | A

22 de Abril de 2021, 10h:24 - A | A

POLÍTICA / CAIXA 2

Quatro votos mantem cassação e deixam Avalone com os pés fora da ALMT

Da Redação



Quatro juízes do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) não acataram os argumentos da defesa do deputado estadual Carlos Avalone (PSDB) e votaram pela manutenção da cassação do mandato do parlamentar, imposta em dezembro do ano passado.

Avalone é acusado de cometer caixa 2 nas eleições de 2018.

A defesa do deputado pretendia modificar o resultado da condenação por meio de Embargos Infringentes.

Quatro magistrados já anteciparam seus votos – todos desfavoráveis a pretensão do parlamentar tucano.

Faltam votar três magistrados e ainda que seus votos sejam favoráveis a Avalone, a vaca já foi para o brejo.

A maioria pela condenação a perda de mandato já foi formada. Depois de concluída a votação e publicado o acordão, cabe resta ao tucano tentar reverter a condenação no TSE.

Pelos embargos, Avalone tentou rediscutir matéria já exaustivamente tratada durante a instrução do processo. Ele questionava a higidez de um vídeo apresentado como prova do crime e suscitou suspeição de um policial da PRF.

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT