Sábado, 22 de Junho de 2024

POLÍTICA Sábado, 12 de Setembro de 2020, 13:24 - A | A

12 de Setembro de 2020, 13h:24 - A | A

POLÍTICA / JUSTIÇA

Wagner Ramos fica fora de denúncia do MPF contra Silval e 10 ex-deputados por corrupção em MT

Edésio Adorno
Tangará da Serra



O Ministério Público Federal (MPF) ofereceu denúncia por corrupção ativa, passiva e associação criminosa contra o ex-governador Silval Barbosa, seu chefe de gabinete Silvio Cezar e 10 ex-deputados estaduais.  

Os denunciados são acusados de compor um grupo de deputados da Assembleia Legislativa (ALMT), durante o governo de Silval Barbosa, eles que recebiam dinheiro, denominado como “mensalinho”, para garantir a governabilidade e a aprovação das contas do Executivo estadual.

Veja quem são os denunciados:

Emanuel Pinheiro (MDB) 

Luiz Marinho de Souza Botelho

Luciane Bezerra

Alexandre Luis Cesar

Gilmar Fabris

Carlos Antônio de Azambuja

Ezequiel Fonseca

José Domingos Fraga Filho

Airton Rondina Luiz (Airton Português)

Silval Barbosa

Silvio Cezar Correa Araújo

O nome do ex-deputado de Tangará da Serra, Wagner Ramos, não aparece entre os indiciados pela Polícia Federal e denunciados pelo MPF. Ramos sempre se declarou inocente. Apesar disso, sofreu horrores nas redes sociais. Foi taxado de corruputo e arrancado da vida pública sem direito a defesa.  

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT