Domingo, 14 de Julho de 2024

BLOG Terça-feira, 11 de Junho de 2024, 14:43 - A | A

11 de Junho de 2024, 14h:43 - A | A

BLOG / ARROZ TIO NERI

Lula cancela leilão da Conab e demite Gueller após escândalo do arroz

Neri Geller cai do ministério da Agricultura e deve ser investigado pela PF

Da Redação
Blog Edição MT



lula nerie e favaro.jpg

 

A terça-feira foi marcada por uma turbulência no Ministério da Agricultura, com o anúncio da demissão de Neri Geller do cargo de secretário de Política Agrícola, em meio ao escândalo em torno do leilão para importação de arroz.

O ministro da Agricultura anunciou que Geller colocou o cargo à disposição, decisão tomada após alegações de um possível conflito de interesses envolvendo uma corretora ligada a um filho e a um ex-assessor.

Segundo o ministro Fávaro, Geller comunicou sua decisão após seu filho ter estabelecido sociedade com uma corretora de Mato Grosso.

"Hoje pela manhã, o secretário Neri Geller me comunicou, fez ponderação. Quando seu filho estabeleceu sociedade com esta corretora do Mato Grosso, ele não era secretário de Política Agrícola. Não há fato que desabone ou que gere qualquer tipo de suspeita, mas que de fato gerou transtorno, e por isso colocou o cargo à disposição", afirmou Fávaro.

Entretanto, a situação parece mais complicada do que as declarações oficiais sugerem.

Segundo o portal Globo Rural, dentro do governo federal há uma avaliação de um possível conflito de interesses, uma vez que uma corretora associada a um ex-assessor de Geller está diretamente envolvida no polêmico leilão de importação de arroz.

Essa conexão levanta questões sobre a integridade das operações e a transparência nas decisões políticas.

Neri Geller, que já ocupou o posto de ministro da Agricultura e foi deputado federal, sempre se posicionou como um defensor ferrenho do agronegócio.

Seu apoio a Lula nas eleições de 2022 foi um movimento significativo, dado seu histórico e influência no setor.

No entanto, sua saída abrupta em meio a um escândalo de possível conflito de interesses não só mancha sua reputação, mas também levanta dúvidas sobre as práticas e decisões dentro do Ministério da Agricultura.

A demissão de Geller deve ser vista como um sintoma de problemas mais profundos dentro da política agrícola brasileira.

A questão do leilão para importação de arroz, agora cercada por suspeitas e desconfianças, exige uma investigação rigorosa para garantir que os interesses públicos sejam realmente priorizados sobre os interesses privados.

Transparência e responsabilidade são fundamentais para restaurar a confiança no sistema.

A demissão de Neri Geller pode ser um passo necessário para evitar maiores danos à imagem do governo, mas é fundamental que o Ministério da Agricultura adote medidas mais robustas para prevenir situações semelhantes no futuro.

A confiança do público na gestão agrícola do país depende disso.

O caso não termina com o cancelamento do polêmico leilão e nem com a demissão de Gueller.

A Polícia Federal deve fazer uma devassa em todo o processo para saber até onde foi a influência de Neri em eventual manipulação do leilão realizado pela Bolsa de Mercadoria de Mato Grosso (BMT), cujos diretores são seus aliados e familiares. 

Comente esta notícia

MARIA INES SCHMITZ 14/06/2024

Será qual é o partido dele..???

positivo
0
negativo
0

Antonio Batista Nunes 11/06/2024

O Sr Neri Geller, já é reincidente em denuncia por negócios ilícitos.

positivo
2
negativo
0

2 comentários

1 de 1

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT