Quarta-feira, 12 de Junho de 2024

POLÍCIA Quarta-feira, 05 de Junho de 2024, 12:13 - A | A

Quarta-feira, 05 de Junho de 2024, 12h:13 - A | A

RELAÇÃO FRATERNA

Emanuel Pinheiro sobre vereador suspeito de ser preposto do CV: “É meu amigo pessoal, tem relação fraterna comigo”

Vereador amigo pessoal de Pinheiro é alvo da Operação Ragnatela por ligações com facção criminosa

Da Redação
A Bronca Popular

Paulo Henrique e Pinheiro.jpg

 

O vereador por Cuiabá Paulo Henrique (MDB) está entre os alvos da Operação Ragnatela, deflagrada na manhã desta quarta-feira (5) pela Polícia Federal. O parlamentar foi líder do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) na Câmara entre 2023 e o início de 2024.

Segundo as investigações da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado de Mato Grosso (FICCO-MT), Paulo Henrique atuava em benefício do grupo criminoso na interlocução com agentes públicos, recebendo, em contrapartida, benefícios financeiros.

Em 30 de janeiro de 2023, prestes a ser anunciado líder do prefeito na Câmara de Cuiabá, Emanuel Pinheiro rasgou elogios ao parlamentar, enfatizando sua relação pessoal com o vereador. “É meu amigo pessoal, tem uma relação muito fraterna comigo, muito próxima”, afirmou Pinheiro ao Rdnews.

Paulo Henrique foi presidente do Sindicato dos Agentes de Regulação e Fiscalização de Cuiabá. Ele também é irmão do ex-secretário municipal de Mobilidade Urbana Antenor Figueiredo, que deixou o cargo em meio a denúncias de corrupção.

O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro não é investigado na Operação Ragnatela 

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT