Sexta-feira, 21 de Junho de 2024

POLÍTICA Sexta-feira, 30 de Outubro de 2020, 10:31 - A | A

30 de Outubro de 2020, 10h:31 - A | A

POLÍTICA / EXCLUSIVO!

Áudio revela possivel fraude de pesquisa eleitoral em Tangará da Serra

Edésio Adorno
Tangará da Serra



Nossa reportagem teve acesso com absoluta exclusividade a um áudio gravado por uma dona de casa identificada como dona Cirlene. Ela recebe a ligação de uma moça que se apresenta com o nome de Jéssica e diz falar em nome da Percet Pesquisa de Cuiabá. "Aprefeitura de Tangará nos disponibilizou uma listatagem pra tá fazendo uma pesquisa sobre o cenário eleitoral", informa a moça.

Na sequência, Jéssica avisa que são quatros perguntas e indaga se a eleitora Cirlene gostaria de participar.  A entrevistadora, então pergunta sobre a idade, grau de escolaridade e renda da entrevistada.

Questionada se tem algum nome em mente para vereador, Cirlene declara que pretende votar em Nivaldo Leiteiro. E para prefeito? Ingada a entrevistadora. Cirlene responde Vander Masson.  Diante da resposta, a entrevistadora reage com a interjeição  hummm e afirma: "tem bastante gente que vai votar nele".

Para quem a senhora não votaria de nehum para prefeito? pergunta a entrevistadora. Cirlene revela que não vota em Wesley Torres. Outra pergunta: "independetente do seu voto, quem a senhora acha que vai ganhar a eleição? Dona Cirlene repete o nome de Vander Masson.

"Eu também acho, tá todo mundo votando nele. Sim, sim, todo mundo, aham", comentou a entrevistadora.

O instituto  Percent Pesquisa de Mercado e Opinião registrou no TSE sob o nº  MT-02566/2020 uma pesquisa de tendencia de voto em Tangará da Serra. O trabalho de campo teria sido iniciado no dia 27 de outubro, com divulgação anunciada para a proxima segunda-feira (02).

O Percent informou a justiça eleitoral que a pesquisa será quantitativa com emprego da técnica de survey consistindo de 400 entrevistas individuais pessoais realizadas através de questionário estruturado aplicado em uma amostra probabilística dos eleitores de Tangará da Serra-MT, sendo os indivíduos abordados em seus domicílios.

O áudio atribuido a Jéssica, que seria entrevistadora do intituto, sugere que o levantamento estaria sendo realizado por telefone e que estariam utilizando uma listagem fornecida pela prefeitura.

Em sendo comprovada a veracidade do material, duas questões precisam se esclarecidas. A primeira, a prefeitura pode fornecer dados telefônicos dos municipes para empresas privadas? E, a segunda, se o instituto informou a justiça eleitoral que a pesquisa seria presencial, como pode encurtar distância e entrevistar os eleitores por telefone?

O outro lado - desde ontem tentamos contato com a diretora do Percent, Jornalista Judithe Bernadete Nunes Rosa, mais conhecida por Judith Rosa. O espaço segue aberto.

Ouça o áudio:

  

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT