Quinta-feira, 13 de Junho de 2024

POLÍTICA Segunda-feira, 03 de Agosto de 2020, 21:00 - A | A

Segunda-feira, 03 de Agosto de 2020, 21h:00 - A | A

CAMPO NOVO DO PARECIS

Em áudio, prefeito diz a vereador que aliado é paciente vip, o mais bem cuidado do hospital municipal

EDÉSIO ADORNO
Tangará da Serra

Focado na reeleição e atordoado com os altos índices de desaprovação a seu governo, o prefeito de Campo Novo do Parecis, Rafael Machado (PSL), faz das tripas coração para cooptar partidos e lideranças políticas, populares e empresariais dispostas a apoiar seu projeto de continuísmo.  

Assustado com o crescimento da pré-candidatura do ex-prefeito Mauro Berft (MDB), Machado tenta segurar em sua base o vereador Baioto. Troca de favores e concessão de privilégios fazem parte do jogo do poder pelo poder.  

Em uma mensagem de áudio, gravada pelo prefeito Machado e encaminhada para o vereador Baioto, ele se coloca pessoalmente a disposição do ex-secretário de Saúde e de Trabalho e Assistência Social, Claudiomiro Botin, que se encontra internado no Hospital Municipal para tratamento da covid-19. “Ele está muito bem assistido, é o nosso paciente vip, o paciente mais bem cuidado”.  

No áudio, Rafael deixa claro que existe tratamento diferenciado para pessoas diferentes. Se existe o paciente vip é porque também existe o não vip, o não detentor de direito a privilégios.  De igual forma, se existe o paciente mais bem cuidado é porque, em sentido contrário ou por exclusão, deve existir o paciente que não seja bem cuidado.  

A fala de Machado é um tributo a imoralidade e uma afronta ao princípio da impessoalidade. É fato que Claudiomiro tem direito a um tratamento digno e de qualidade. Esse direito, no entanto, não pode ser negado as pessoas que não tem padrinho político.

Se o prefeito se encarrega pessoalmente de visitar um paciente e repassar informações para seus familiares por que razão esse direito haveria de ser negado aos familiares dos demais pacientes do Hospital Municipal.

Ouça o áudio de Rafael e tire suas próprias conclusões:

 

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT