Domingo, 14 de Julho de 2024

POLÍTICA Sexta-feira, 12 de Março de 2021, 07:11 - A | A

12 de Março de 2021, 07h:11 - A | A

POLÍTICA / DISCRIMINAÇÃO?

Fávaro destina emenda de R$ 12 milhões para saúde de Cuiabá e zero centavo para Tangará da Serra

Edésio Adorno
Tangará da Serra



Carlos Fávaro (PSD) foi eleito senador, no pleito suplementar do ano passado, com a 2º maior votação em Tangará da Serra. Ele teve 9.810 votos, perdeu apenas para a então candidata de Bolsonaro, Coronel Fernanda (Patriota), que foi sufragada por 12.155 eleitores.

Apesar do excelente desempenho pessoal nas urnas de Tangará da Serra, Fávaro não conseguiu eleger prefeito o candidato de seu partido, que foi derrotado pelo empresário Vander Masson (PSDB). Não se sabe se em razão disso ou por um outro motivo qualquer, o senador não destinou nenhum centavo de uma emenda de R$ 30 milhões.  

Cuiabá foi contemplada com R$ 12 milhões para destinação exclusiva na saúde pública. Outros 50 municípios serão beneficiados com parte desse recurso.  

"Além dos R$ 12 milhões para Cuiabá, destinei R$ 2 milhões para VG, R$ 1 milhão para Rondonópolis, R$ 1 milhão para Primavera do Leste, R$ 2 milhões para Pontes e Lacerda, R$ 1,5 milhão para Barra do Garças e os municípios pequenos perto de 30% a 50% do seu teto de atenção básica eu destinei para a gente poder atender um pouquinho cada um", explicou o parlamentar ao Olhar Direto.

Ignorar Tangará da Serra no rateio dessa verba seria discriminação política ou falta de dialogo com o prefeito Vander Masson? É certo que quem não chora não mama e quem não pede não ganha. Será que a 'eficiente' assessoria de Vander levou algum pleito ao senador? Caso haja manifestação, tanto de Fávaro, quanto da prefeitura, ela será inserida nessa matéria.

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT