Segunda-feira, 15 de Julho de 2024

POLÍTICA Domingo, 30 de Maio de 2021, 18:44 - A | A

30 de Maio de 2021, 18h:44 - A | A

POLÍTICA / GARIMPO ILEGAL

Prefeita de Aripuanã nega que Nexa manda na gestão pública do município

A gestora esclareceu ainda que parte dos maquinários apreendidos pela polícia teriam sido enviados para Tangará da Serra, Juína e Cuiabá

Edésio Adorno
Tangará da Serra



A prefeita de Aripuanã, Seluir Peixer (PSDB), entrou em contato com nossa redação para informar que acompanhou a operação que resultou na apreensão de 6 PCs e 18 motores em um garimpo ilegal no município, na última sexta-feira.  

Peixer refuta que a empresa Nexa Recurses manda na gestão municipal. “Não concordo quando dizem que a Nexa manda na gestão pública, temos algumas parcerias, mas ela tem suas responsividades e muito temos cobrado”, escreveu.  

Sobre a apreensão dos maquinários que eram utilizados pelos garimpeiros, a prefeita informou que “a ideia era o município ficar como fiel depositário de todos os equipamentos, mas outros municípios também demonstraram interesse, por isso alguns foram para Juína, outros Tangara e também Cuiabá”, informou

A prefeitura de Aripuanã, segundo pontuou a gestora, ficou como fiel depositária de 04 máquinas e 04 motores  

Ainda de acordo com a prefeita, quando a situação envolve a questão ambiental, “sai do nosso poder, mas quanto aos maquinários que saiu do município já estamos desde ontem trabalhando para trazer de volta”.  

Quanto ao domínio da Nexa, a prefeita Seluir Peixer foi enfática: “uma cosa tenho certeza sobre o poder público a empresa não tem domínio, mas nem por isso vamos viver em conflitos”, concluiu.

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT