Sábado, 20 de Julho de 2024

POLÍCIA Quarta-feira, 10 de Fevereiro de 2021, 09:53 - A | A

10 de Fevereiro de 2021, 09h:53 - A | A

POLÍCIA / O PREÇO DE UMA VIDA

João Coimbra foi alvejado a tiros por cobrar dívida de R$ 700 reais

Edésio Adorno
Tangará da Serra



Nossa reportagem antecipou, no final da tarde desta terça-feira, em absoluta primeira mão, que o empresário do ramo de energia elétrica, João Batista Coimbra, 34, havia sido vítima de homicídio tentado, na tarde de domingo (07), na Agrovila 24, assentamento Antonio Conselheiro.

Leia mais:

Empresário tangaraense baleado no final de semana morre em hospital de Cuiabá  

O empresário foi socorrido pelo SAMU, passou pela UPA e foi transferido para o Hospital Municipal de Cuiabá, onde se submeteu a uma cirurgia, mas acabou tendo parada cardíaca em uma sessão de hemodiálise.  

A Bronca Popular teve acesso ao Boletim de Ocorrência Policial e nele, segundo narrou a esposa do empresário, a motivação teria sido algo banal. Coimbra foi cobrar uma dívida de R$ 700 reais de um cidadão identificado como sendo “Adriano” e que seria filho de um senhor conhecido pelo apelido de “João do Galo”.  

“Após praticar o crime o suspeito evadiu-se do local do crime em uma motocicleta aparentando uma Honda Titan de cor escura, tomando rumo ignorado”, diz trecho da narrativa da testemunha, que é esposa da vítima.  

O caso está sob investigação da Delegacia de Polícia Judiciária Civil de Barra do Bugres.

O outro lado - Nossa reportagem não conseguiu contato com o suposto pai do suspeito. O espaço segue aberto para eventual manifestação.

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT