Quarta-feira, 17 de Julho de 2024

POLÍTICA Sexta-feira, 28 de Maio de 2021, 16:40 - A | A

28 de Maio de 2021, 16h:40 - A | A

POLÍTICA / BARRA DO BUGRES

Dr Divino se nega a contratar "Gepeme" de Márcio Urel por quase R$ 300 mil e o doutor vira uma fera!

Edésio Adorno
Tangará da Serra



Habituados a deitar, rolar e se fartar com os recursos da secretaria de Educação, que tem um orçamento de quase R$ 25 milhões, por meio da comercialização de eventos de natureza educacional, Márcio Urel percebeu que na gestão do prefeito Divino Henrique o dinheiro público será aplicado com parcimônia e em conformidade com os princípios constitucionais que regem a administração pública.  

Nos governos passados, o GEPEME, que é um grupo de estudos e pesquisas em Educação Matemática nas Escolas do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática (PPGECM) da UNEMAT, e opera por meio do FAEPEN/MT, faturou alto da prefeitura de Barra do Bugres.  

O objetivo do grupo seria ofertar programa de formação continuada, segundo consta em sua página na internet, onde aparece o nome do Doutor Marcio Urel como contato.  

Urel apresentou ao prefeito uma proposta de prestação de serviços de nada menos que R$ 260 mil para realizar o que ele classificou de seis ações, sendo definido valor especifico para cada ação a ser desenvolvida.  

- No mês de julho de 2021, a um custo de R$ 12 mil, os professores da rede municipal de ensino participariam do II Encontro Nacional Online de Professores que Ensinam Matemática;

- De agosto a novembro de 2021, seria ofertado curso de aperfeiçoamento docente: ensino hibrido e tecnologias educacionais a um custo de R$ 19.200,00;

- De dezembro de 2021 a janeiro de 2022 seria realizado uma ação denominada organização da avaliação diagnóstica em matemática e língua portuguesa do 1º ao 5º anos do ensino fundamental para auxiliar no planejamento anual de 2022. A ação teria um custo de R$ 36 mil para o município;

- Em fevereiro de 2022 seria realizada a IV Jornada Pedagógica Municipal de Barra do Bugres, o custo do evento seria de R$ 14.700,00;

- De março a maio de 2022 seria ofertada Formação Continuada nas escolas com professores e alunos Espaço Formativo das Feiras de Ciências e Matemática por R$ 14.400,00;

- Em junho de 2022 seria a realização da II Feira de Matemática de Barra do Bugres e da 1º Feira de Ciências de Barra do Bugres a um preço de R$ 38.600,00

Na proposta encaminhada ao prefeito, Márcio Urel afirma que a equipe formativa e a realização de todas as ações formativas teriam um custo de R$ 100.800,00.

No mesmo documento, Urel declara que o valor das despesas para realização das ações seria de R$ 235.700,00. Como despesas operacionais, a FAEPEN levaria 10% sobre o valor das despesas, ou seja, R$ 23.570,00, o que elevaria o preço final das ações propostas pelo professor Marcio Urel para R$ 259.270,00.

MARCIO UREL PLANILHA.jpeg

 

Obviamente que o então secretário de Educação, Rafaello Sandri Affonso e o prefeito Divino não aceitaram a proposta absurda de Márcio Urel. Eles entendem que o dinheiro público merece melhor destinação.  

Com seus interesses financeiros contrariados, a reação do professor e ‘empresário da educação’, Márcio Urel, foi partir para o ataque contra o Dr Divino.

Para tentar atingir seus objetivos inconfessos, Urel manipula professores que desconhecem os propósitos de sua ação, conta com o apoio de vereadores ingênuos ou beneficiários do rico negócio que pretendia estabelecer com o município.

A rejeição ao nome de Carlos Tayano para comandar a secretaria de Educação é apenas um pretexto para forçar o prefeito a nomear alguém que não exite em abastecer os cofres da GEPEME com quase R$ 300 mil anual em troca de eventos caça-níqueis. 

Para se ter uma noção da inutilidade práticas de certas ações ofertas ao municipio, veja um exemplo: 

O GEPEME propõe a realização de uma atividade com o nome pomposo de "organização da avaliação diagnóstica em matemática e língua portuguesa do 1º ao 5º anos do ensino fundamental para auxiliar no planejamento anual de 2022". Se alguém souber o que isso significa, além de nada ou de mera embromação, por gentileza encaminha a resposta a redação deste site.

 

Comente esta notícia

MÁRCIO 31/05/2021

Nota de Esclarecimento O Campus de Barra do Bugres, da Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT), considerando matéria publicada em site de notícias da região em 28/05/2021 que menciona o Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Matemática nas Escolas (GEPEME), informa que a suposta “proposta de prestação de serviços” mencionada na matéria não se encontra institucionalizada ou em processo de institucionalização na UNEMAT, não sendo, portanto, possível afirmar a autenticidade dos valores ali apresentados. Ressaltamos que a prestação de serviços pela UNEMAT é normatizada em resolução específica e que a institucionalização inclui avaliação da proposta pelos colegiados da universidade e pela respectiva fundação de apoio envolvida, a exemplo da FAEPEN, com valores pré-definidos conforme legislação vigente. Uma vez institucionalizada e executada é feita a prestação de contas técnica e financeira da ação, a qual também passa por análise criteriosa por parte dos órgãos de fiscalização e controle. No que se refere às ações já desenvolvidas pelo GEPEME, institucionalizadas na UNEMAT em anos anteriores, sob a coordenação do Professor Doutor Márcio Urel Rodrigues, envolvendo parceria com o município de Barra do Bugres e fundação de apoio, ressalta-se que não foram encontradas quaisquer irregularidades. Estas ações resultaram num amplo material de apoio pedagógico que se encontra publicamente disponível na página do GEPEME (https://matematicanaescola.com/barra-do-bugres). O GEPEME é constituído por professores doutores e mestres de renomadas universidades brasileiras e efetivos na UNEMAT, conta com a participação de mestrandos, licenciandos, bem como professores que ensinam Matemática nas escolas da Educação Básica do Estado de Mato Grosso. O grupo está registrado no diretório do CNPQ (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/2363528010068389). A UNEMAT segue rigorosamente os princípios da gestão pública e as normativas vigentes, com uso eficiente dos recursos públicos e transparência nas ações realizadas, incluindo as parcerias voltadas a prestação de serviços com as esferas administrativas municipal, estadual e federal, se colocando à disposição para mais esclarecimentos. Assessoria de Comunicação e Diretoria de Unidade Regionalizada Político-Pedagógica e Financeira do Campus de Barra do Bugres

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT