Terça-feira, 18 de Junho de 2024

BISTURI Domingo, 27 de Dezembro de 2020, 17:18 - A | A

27 de Dezembro de 2020, 17h:18 - A | A

BISTURI / CORRUPÇÃO SOB TRILHOS

A pedido de Mendes, justiça bloqueou R$ 683 mi do Consórcio VLT

A decisão da justiça atendeu pedido do governador Mauro Mendes (DEM), que optou pelo modal BRT, ao invés de insistir com a lambança do VLT



Nas redes sociais, o governador Mauro Mendes (DEM) comentou a decisão favordavel da justiça:

A Justiça atendeu ao nosso pedido e bloqueou as contas do Consórcio VLT em até R$ 683 milhões.  

Esse valor bloqueado é para garantir o futuro ressarcimento aos cofres públicos por todo o prejuízo causado pelo não término do VLT em 2014. A ação foi movida pelo Governo de Mato Grosso.  

A decisão também determina que o consórcio remova os trilhos, vagões e todo o material rodante e leve de volta à Espanha.  

Esses equipamentos deverão ser vendidos pelo Consórcio e todos os valores obtidos com a venda serão depositados em conta judicial   Mais um importante passo para acabar com esse pesadelo da roubalheira e da incompetência.

Comente esta notícia

(65) 99978.4480

[email protected]

Tangará da Serra - Tangará da Serra/MT